Até mais ver: Março 2010

quarta-feira, março 31, 2010

Os 10 discos mais valiosos

Se você fantasia que uma dia possa fazer fortuna com uma simples venda de garagem, você entende o apelo que uma coleção de discos valiosos possa ter.

Quais, você se pergunta, são os discos mais valiosos? Você vai se surpreender!

Double Fantasy, de John Lennon e Yoko Ono – Lennon autografou a capa do disco poucas horas antes de ser assassinado

O valor deste single reside no fato de que ele foi um dos últimos a serem gravados em mono quando os estéreos começaram a tomar conta das prateleiras das lojas. Valendo US$ 24 mil este single de 33 rpm tem “Anything That’s Part of You” no verso (lado B). “Good Luck Charm” atingiu o topo da parada de singles da Billboard e lá ficou por duas semanas

Jubliee produziu o primeiro e único disco do “The Five Sharps´” como lançamento limitado. Irv Rose tinha uma cópia usada em comissão em sua nova loja de discos em Nova York, em 1961. Ele emprestou o disco para tocar em seu programa de rádio, quebrou e ofereceu uma recompensa pela sua troca. Isso desencadeou uma busca nacional que tornou “Stormy Weather” a gravação mais procurada depois do sucesso do ritmo doo-wop. Em 15 anos, apenas três cópias apareceram – uma lascada, uma rachada e uma em bom estado. A terceira foi vendida em 1977 e hoje é avaliada em aproximadamente US$ 25 mil

Este LP de um único lado tocou pela primeira vez no dia 5 de novembro de 1967, em uma estação de rádio de Cottonwood, Arizona. Por causa da sua raridade, o LP de 12 polegadas vale US$ 25 mil ou mais. Ele contém 30 minutos de programa de rádio que inclui nove músicas gospels de Elvis e promove o filme de Presley “Stay Away, Joe” e dois álbuns gospels. Uma nota no encarte pede que o álbum seja devolvido para o escritório de Col. Parker depois de transmitido – e o disco foi descoberto em sua propriedade em 1999.

Só existe uma cópia, encontrada em um mercado das pulgas em Nova York e comprada junto com outros dois discos por 75 centavos de dólar. Mas o seu dono, Warren Hill, vendeu o disco por US$25.200 em 2006. O LP é uma versão inicial do álbum de estreia de Velvet Underground. Atuando como agente do grupo, o artista pop Andy Warhol tinha coletado o acetato para vender às gravadoras. As músicas estão em ordem diferente daquela do álbum de estreia, e “European Son” tem um pouco mais de blues do que no original – a faixa é dois minutos mais longa

O Sex Pistols assinou com a gravadora A&M em 1977, mas foram despedidos uma semana depois em função de seu ultrajante comportamento. Durante sua breve estada, eles gravaram “God Save the Queen” como um single promocional para ser lançado durante o Queen’s Silver Jubilee daquele ano. O single, porém, nunca foi lançado e foi entregue como presentes de despedida quando o escritório de Londres da A&M fechou, em 1998. O disco punk rock vale hoje cerca de US$ 20 mil. Uma cópia foi vendida por US$ 25.300 em 2006

Este single de sete polegadas da Motown nunca foi lançado para o público, mas foi vendido para um colecionador escocês por cerca de US$ 30 mil, em 1999. Esta é a maior quantia já paga por um single de sete polegadas. A música soul está muito bem viva no Reino Unido, onde é conhecida como Northern Soul e tocada em danceterias. A música de Wilson atingiu em cheio o público quando foi reeditada em CDs

Uma cópia deste álbum, em ótimo estado e com a lista original de faixas foi vendida por US$35 mil. Inicialmente Dylan incluiu quatro músicas que depois ele achou que estavam muito fora de moda. Apesar das músicas terem sido substituídas rapidamente, algumas cópias do álbum original foram lançadas. Se você tem esperança de encontrar uma delas, procure por uma que tenha na capa a logo da música “Stereo/360” e um adesivo onde se lê “Singing His Sensational Hit, Blowin’ in the Wind”

Uma cópia deste álbum foi vendida por US$ 38 mil em 1996, tudo por causa de sua capa onde o quarteto aparecia ensanguetado (vestidos como açogueiros) com pedaços de carnes e partes de bonecas. John Lennon insistiu para que essa foto fosse colocada na capa do álbum. O disco foi colocado à venda por um único dia em áreas limitadas – e todo mundo odiou a capa. A gravadora Capitol retirou o álbum das lojas e colou uma nova foto por cima da antiga capa. Normalmente os álbuns com a capa de açogueiro são vendidos entre US$ 150 e US$7.500. Este em específico, porém, custou muito mais já que era mono, lacrado e estava em ótimas condições

Com a faixa “That’ll Be the Day” em um lado e “In Spite of All the Danger” no outro, este disco tem um valor estimado entre US$ 180 mil e US$ 200 mil. Mas ele está na coleção particular de Paul McCartney, então não espere que seja vendido. A primeira sessão de gravação do grupo esteve nas mãos do pianista John Duff Lowe até ele vender para McCartney, em 1981. Dois dos integrantes do Quarrymen, Lowe e o baterista Colin Hanton deixaram o grupo, enquanto que McCartney, George Harrison e John Lennon encontraram a fama como os Beatles. McCartney remasterizou as músicas do disco digitalmente e fez cópias para seus amigos. Cada uma delas vale algo em torno de US$ 20 mil

Decide! Decide!

quinta-feira, março 25, 2010

E por falar em filme

Caros leitores do Até Mais Ver, tenho o orgulho de apresentar o trailer da primeira mega produção brasileira para o cinema, vale a pena assistir, vocês irão se surpreender...



Até Mais Ver
Paraquedas

terça-feira, março 23, 2010

Esqueça-me se for capaz...


Não é só o Ita que envelhece...

Até Mais Ver
Paraquedas

PS: Cara, Mundo de Beakman!
PS2: E Carrossel então...